Poço

by Vai-te Foder

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
2.
3.
01:24
4.
5.
6.
7.
8.
01:34
9.
10.
11.
12.
13.
14.
15.
16.
17.
18.
19.
20.
21.
22.

about

Recorded in 2016.
Mixed and Produced in 2017.

Recorded, mixed and produced by Jota in his own studio.

Covers art (Cd and Tape) by Moca.

Artwork by Cirro.

All musics and lyrics by Vai-te Foder except:

"Quero, Poço e Mando" lyric by Nuno Mordaz.

"The Hammer" music and lyric by Motorhead.

Labels:

CD:
- HelldProd (www.helldprod.com)
- Murder Records (www.murder-records.com)

Tape:
- VTF Prod. (motorcrustjunkies@gmail.com)

credits

released April 30, 2017

tags

license

all rights reserved

about

Vai Te Foder Braga, Portugal

Motorcrust (Crust, Grinding Crossover) since 2003!! Only 80's and Degredo are real...Poço or Die Ugh!!!

Line UP
Paulo -Vox
Patife - Vox
Cirro -Guitar
Morcego -Bass
Jota -Drums

contact / help

Contact Vai Te Foder

Streaming and
Download help

Track Name: Poço
É aqui que nasce o degredo
No meio desta sociedade
Que rebaixa de diferentes formas
A expressão da realidade

Nesta cidade religiosa
Os padres abusam do poder
Mas nós todos os dias
Rezamos o nosso Vai-te Foder!

No meio do lodo
Nasce o degredo
Somos do Poço!!
Vivemos no podredo.

Padres, putas e paneleiros
Lema que esta cidade recebeu
Mas os P´s derradeiros
São Poço,e prá puta que vos pariu!

Todos os dias vivemos nesta merda
Sempre na esperança de mudar
Não vamos baixar os braços
Ninguém nos vai calar!

No meio do lodo
Nasce o degredo
Somos do Poço!!
Vivemos no podredo.
Track Name: Motorcrust Junkies
Drogados por natureza
Bêbados à nascença
Veneradores do degredo
Instigadores da violência

Fazemos o que ninguém gosta
Cuspimos na vossa cara
Tocámos o que queremos
A nós, ninguém nos pára!!

Motorcrust Junkies
É um modo de vida
Beber, Foder, Roubar...
Dar nas cenas sem parar!

D-Beat sujo e badalhoco
Blasts a rasgar
Letras nihilistas
Não estamos aqui para agradar

Representamos o mal
Somos a escória do mundo
Aqui não há mentiras
Vivemos tudo num segundo!

Motorcrust Junkies
É um modo de vida
Beber, Foder, Roubar...
Dar nas drogas sem parar!!
Track Name: Sempre a Mesma Merda
Saio para o Poço, com toda a raiva
Olho à minha volta e não vejo futuro
As pedras da calçada, já não são as mesmas...
E o cheiro da cidade está imundo de egoísmo!
(x2)

Merda na rua, merda na TV
Merda da Troica e do olho que tudo vê
Como podemos viver assim?
Será que este inferno não vai ter fim?

Merda de leis, merda de governos
Votam em vampiros...sangrámos, sofremos!
Enganam o povo com uma crise calculada
Que fazes aí de mandíbula fechada?

Ando pela cidade
Só vejo fumaça
(Sempre a mesma merda)
Olho nos olhos
Só vejo a desgraça
(x2)

Merda na rua, merda na TV
Merda da Troica e do olho que tudo vê
Como podemos viver assim?
Será que este inferno não vai ter fim?

É sempre a mesma merda!
Come tu a merda!
Estou farto desta merda...
Atira a primeira pedra!


Ando pela cidade
Só vejo fumaça
(Sempre a mesma merda)
Olho nos olhos
Só vejo a desgraça
(x2)
Track Name: Inútil
Quando eu não quero, eu não faço
Quando me mandam, não obedeço!

Eu...Sou...Sou um Inútil!!!
Track Name: Cruz da Desilusão
Rendidos ao poder
Da intervenção divina
A vida é manipulada
Pela cruz da mentira

O inferno está próximo
Sofrimento e dor
Agarrem-se à cruz
Esperem pelo redentor

Os males do mundo
Num desespero profundo
Misérias criadas
Por seitas descontroladas

Elegem novos papas
O menu é o mesmo
Crianças abusadas
Para o requinte dos supremos!

Cruz da desilusão
Igreja sem perdão
Pedófilos em ascensão
Neste mundo cão!
Track Name: Túmulos Abertos
Bombas caiem do céu
Estou desesperado no lugar do réu
Cidades dizimadas
Almas abandonadas.

Genocídio
O fim está perto.
Corpos vazios.
Túmulos abertos.

Não há solução
A morte é certa
Não há salvação...
A campa está aberta.
Track Name: Mundo Sem Fim
Olho para a vida
Olho para mim
Olho para esta merda
Deste mundo sem fim!

Envelhecer sem viver
Apodrecer sem saber
Caminho neste mundo
Sem nada entender.

Mundo sem fim!
Merda de vida
Passada a lutar
Com uma única saída!
(x2)

Uma família, uma casa
Uma conta no banco
Para no fim acabarmos...
No mesmo buraco!

Uma marca, um legado
Uma passagem esquecida
Assim se resume...
A história da tua vida!

Mundo sem fim!
Merda de vida
Passada a lutar
Com uma única saída!
(x2)

Neste mundo sem fim
A única certeza é a morte
Vivemos todos os dias
À procura da sorte.

MUNDO SEM FIM!
Track Name: Porquê Outra Vez?
Porquê a fome?
Porquê o dinheiro?
Porquê o sangue derramado no mundo inteiro?

Porquê outra vez?
Track Name: Cidade Radioctiva
Numa cidade destruída
Por uma bomba largada
Uma nova forma de vida
Acabou por ser despertada

Corpos...condenados
Caminham sobre a terra
Almas...sofredoras
Espalham a miséria.

Aqui não há saída
O vírus está espalhado
Na cidade radioactiva
Nada é sagrado!

Corpos...condenados
Caminham sobre a terra
Almas...sofredoras
Espalham a miséria.

Cidade Radioactiva!